Comparar listagens

SAIBA COMO DECLARAR A COMPRA DO SEU IMÓVEL NO IMPOSTO DE RENDA

SAIBA COMO DECLARAR A COMPRA DO SEU IMÓVEL NO IMPOSTO DE RENDA

Afinal, para que serve o imposto de renda?

Até mesmo por ser algo comum na rotina de qualquer cidadão brasileiro, pode ser que você não tenha refletido sobre a real serventia do imposto de renda. A sua função primordial é a de informar ao governo quais foram os rendimentos recebidos pelas pessoas físicas, incluindo aí até mesmo os lucros isentos e não tributáveis.

O montante arrecadado com o IR é o que faz a máquina pública rodar, ou seja, é o que financia as melhorias e o desenvolvimento de serviços e da segurança pública, tanto nas esferas municipais e estaduais quanto na federal. O dinheiro é arrecadado pela Receita e administrado pelo Tesouro Nacional, que direciona os investimentos.

Quais informações e valores devem ser declarados?

Para entender como declarar a compra de imóveis no imposto de renda você precisa saber quais são as informações e os valores que precisam ser expostos. Existem alguns dados básicos e universais, que devem constar nas declarações de qualquer propriedade, seja ela adquirida a prazo, por meio de financiamentos, consórcios e assim por diante.

Em linhas gerais, quanto mais você informar, melhor. É imprescindível, por exemplo, subscrever itens como o endereço, a data da compra, a localização exata da unidade e qual foi o valor pago pela aquisição. Também é crucial dizer se a propriedade estava pronta e o nome do antigo dono, assim como se era um imóvel na planta.

Também é muito importante declarar corretamente o montante pago na entrada e as parcelas pagas. Lembre-se que o valor que deve constar no seu IR é o que foi pago no ato de compra, independentemente de ter ocorrido valorização ou desvalorização da sua casa ou apartamento no setor imobiliário.

Especificidades na declaração de imóveis

Agora que você já aprendeu um pouco mais sobre como declarar a compra de imóveis no imposto de renda, chegou a hora de conhecer os principais detalhes de alguns casos específicos, de forma que você faça tudo do jeito correto e, dessa forma, não enfrente nenhum tipo de problema com o fisco. Confira abaixo.

Imóvel financiado

Os imóveis que foram adquiridos por meio de um financiamento imobiliário têm algumas peculiaridades na hora da declaração do IR. Os contribuintes, ao preencherem os formulários, devem incluir na situação do dia 31/12 do ano em questão quais foram os valores das prestações pagas até a data citada.

Isso deve incluir, logicamente, a soma da entrada com as parcelas mensais já quitadas, incluindo aí os juros e outras taxas praticadas pelo mercado. Embora as despesas com cartório e advogados não devam entrar nesta categoria, os custos com corretagem e o ITBI (Imposto de Transmissão de Bens Imóveis) devem ser incluídos.

Imóvel comprado à vista

Para declarar a compra de um imóvel residencial ou comercial no ano anterior em seu imposto de renda basta você inserir as informações dessa unidade na ficha “Bens e Direitos” do programa da Receita Federal. Na discriminação, você deve incluir os dados que constam no Registro de Imóveis, além do nome e do CNPJ/CPF do vendedor.

Também é importante colocar a data da aquisição e o valor da propriedade. Quaisquer desembolsos ou despesas referentes a melhorias devem ser informados no campo “Discriminação”. Os imóveis comprados anteriormente também devem ser inseridos em “Bens e Direitos”, apenas agregando os valores desembolsados no ano em questão.

Imóvel comprado em consórcio

Uma modalidade de compra que vem ganhando espaço no mercado imobiliário brasileiro é o consórcio, que é uma alternativa muito interessante para quem não quer comprometer uma fatia muito grande do orçamento e também não tem pressa de se mudar imediatamente, visto que a pessoa dependerá da contemplação ou de um lance.

Quem ainda não foi contemplado até o dia 31 de dezembro do ano em questão para o IR precisa procurar o devido espaço na ficha “Bens e Direitos” e lançar apenas as prestações quitadas até então. Para quem já foi sorteado o correto é selecionar o devido código do imóvel e informar apenas os valores totais gastos com as parcelas.

Imóvel comprado com FGTS

É muito comum que os trabalhadores brasileiros utilizem uma parte ou até mesmo a totalidade do seu FGTS para adquirir uma propriedade à vista, fazer uma obra ou para quitar as parcelas de um financiamento, afinal, essa é uma das funções primordiais e que justificam a existência do famoso Fundo de Garantia do Tempo de Serviço.

Sendo assim, essa possibilidade é prevista no IR e os saques do FGTS devem ser devidamente informados na ficha “Rendimentos Isentos e Não Tributáveis”. Ali, é preciso incluir a descrição do imóvel e demonstrar os valores recebidos por meio desse fundo.

Quais os documentos essenciais para o imposto de renda?

Ao declarar a compra de imóveis no imposto de renda existem alguns documentos essenciais que precisam estar na mão do contribuinte, de forma que a Receita Federal tenha todos os dados que precisa e não necessite solicitar ajustes ou novas informações para a pessoa. Confira a seguir quais são eles.

Um dos principais documentos relativos à compra de uma propriedade e que precisa constar no IR é a Escritura, bem como o Compromisso de compra e venda. Também é necessário declarar os comprovantes de pagamento relacionados com a transação deste imóvel e, no caso dos financiados, é imprescindível incluir o contrato de financiamento.

Seguindo esses passos, fica muito mais simples declarar a compra de imóveis no imposto de renda!

Gostou de aprender como declarar compra de imóveis no imposto de renda? Ficou interessado em adquirir uma propriedade de boa qualidade? Então não perca mais tempo e entre em contato com a nossa empresa!

Fonte : www.blog.laredo.com.br

img

Bruno Santos

Posts relacionados

Perspectivas para o mercado imobiliário em 2019

Este ano deve ser o ano da retomada do mercado imobiliário no Brasil. Recentes levantamentos do...

Continue lendo
por Bruno Santos

Cohama

A Cohama CONHECENDO SEU NOVO BAIRRO A Cohama é localizado no Estado do Maranhão, tendo como...

Continue lendo
por Bruno Santos

Altos do Calhau

Altos do Calhau Conheça seu novo Bairro O Altos do Calhau é um bairro localizado na Capital...

Continue lendo
por Ludmilla

Participe da discussão

12 − 10 =

%d blogueiros gostam disto: